Aurélie & Verioca abrem o programa do lançamento do filme “A Lei da Água” em Paris

Brasileiros Sem Fronteiras PARIS informa:

O duo francês de chorinho e bossa nova – Aurélie & Verioca – fizeram a abertura do programa na noite do lançamento em Paris do documentário ecológico “A Lei da Água – Novo Código Florestal” dirigido por André d’Elia e produzido por Fernando Meirelles, o diretor do filme “Cidade de Deus”.

Unidas através da paixão pela música popular brasileira elas conduzem o público tanto francês como brasileiro para o seu mundo musical. Elas ultrapassaram as barreiras de nacionalidade imposta no nascimento e se dedicam com humor e amor a divulgar a nossa música além das fronteiras. Aurélie escreve as letras enquanto Verioca compõe as músicas.

Nesta apresentação Aurélie & Verioca levaram ao palco o repertório da versão francesa de “Águas de Março” (em francês “Les eaux de mars”; composição Tom Jobim e letras em francês do Georges Moustaki), “No caminho do mar” ( fr. “Dans le chemin de la mer”), “Reconciliação” (fr. “Réconciliation”) e “Passo a passo” (fr. “Pas à pas”) da própria autoria.

Confiram neste vídeo no YouTube (20 minutos) : https://youtu.be/PROC1xivWLI

Aurélie & VeriocaEsquerda: Verioca Lherm – Direita: Aurélie Tyszblat
Sigam as atividades de Aurélie & Verioca:
www.facebook.com/aurelieverioca
www.youtube.com/user/AURELIEVERIOCA
www.aurelieverioca.com
Por: Louisa Monteiro (01.01.2016 – Allemagne, 08h30)
Local do evento: Pavillon de l’Eau, 77 avenue de Versailles, 75016 Paris

Louisa, Jean Pierre e VeriocaLouisa Monteiro (Diretora Fundadora do Brasileiros Sem Fronteiras), Jean-Pierre Guis (fotógrafo) e Verioca Lherm

Verioca Lherm e Aurélie TyszblatEntrega do certificado da ONG Brasil France 21

 

Filmagem: Gilles Spinelli​ (Canal do Gilles Spinelli no YouTube )
Montagem: Louisa Monteiro

Um comentário em “Aurélie & Verioca abrem o programa do lançamento do filme “A Lei da Água” em Paris

  • 3 janeiro 2016 em 02:09
    Permalink

    Jean-Pierre Guis (02.01.2016) : “Un beau moment de musique et de poésie, un pont construit note après note entre la France et le Brésil”.

    Resposta

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

0
%d blogueiros gostam disto: